terça-feira, 18 de junho de 2013

Manifestantes saem às ruas pelo transporte em Poços de Caldas, MG

Pelo menos 500 pessoas aderiram ao movimento de protesto pelo preço das tarifas do transporte público e saíram em passeata pelas ruas de Poços de Caldas na tarde desta segunda-feira (17). Por volta de 17h45, os manifestantes saíram da Praça do Museu em sentido ao Centro da cidade.
Segurando faixas e cartazes com dizeres como "Que país é este?" e "Desculpe o incômodo, estamos mudando o país", eles fecharam os cruzamentos das principais ruas da região central. Muitas pessoas que estavam na rua se juntaram à mobilização conforme a passeata ia evoluindo.
Manifestantes saíram de preto, com cartazes, em direção ao Centro (Foto: Jéssica Balbino / G1)Manifestantes saíram de preto, com cartazes, em direção ao Centro (Foto: Jéssica Balbino / G1)
Por volta de 18h30, os manifestantes chegaram ao Terminal Rodoviário da cidade, onde todas as entradas dos ônibus de transporte coletivo foram fechadas. Em um determinado momento, duas pessoas chegaram a subir na janela de um ônibus, mas os próprios manifestantes pediram para que elas descessem e a polícia não precisou intervir.
A Polícia Militar acompanhou o protesto e não houve registros de incidentes mais graves.
Manifestante se pendura em janela de ônibus e é retirado pelos próprios manifestantes (Foto: Jéssica Balbino / G1)Homem se pendura em janela de ônibus e é retirado pelos próprios manifestantes (Foto: Jéssica Balbino / G1)
Cerca de 500 pessoas participam do manifesto em Poços de Caldas (Foto: Jéssica Balbino / G1)Cerca de 500 pessoas participam do manifesto em Poços de Caldas (Foto: Jéssica Balbino / G1)A revolta contra o governo tomou conta do país, já que a insatisfação é muito grande com o descaso dos governantes nas áreas de saúde, educação e transporte. O aumento da tarifa dos ônibus foi somente a gota d'água. Um dos pontos da revolta, foi em relação à presidente Dilma, que esquece das prioridades do país e envia 176 milhões de dólares para a modernização dos aeroportos de Cuba. O financiamento do Brasil para Cuba, já chega a 1,37 bilhão de dólares. Enquanto isso nossos hospitais estão sucateados, as escolas abandonadas e nossas estradas um verdadeiro caos. O povo brasileiro deixou de estar deitado eternamente em berço esplêndido para dizer em alto e bom som: "Verás que um filho teu não foge à luta"O próximo protesto poderá ser em São Lourenço.
Com informação do G1

0 comentários:

Postar um comentário