sexta-feira, 19 de julho de 2013

Condutores de charretes estão sendo recadastrados



A Gerência de Trânsito e Transportes Públicos da prefeitura está realizando o recadastramento dos charreteiros e seus auxiliares. A ação, feita anualmente, visa atender a exigência da Lei Municipal nº 2980, que dispõe sobre a normatização, regularização e proteção dos animais de aluguel e de transporte de tração no município e dá outras providências. Além dos documentos pessoais e comprovante de residência, o condutor deve apresentar, também, um atesto médico, comprovando suas condições físicas e psicológicas.

No período de 17 a 21 de junho, foi feita uma vistoria completa, conforme determina a legislação, e repassadas as orientações de praxe aos proprietários de cavalos e charretes. No início desse mês, uma charrete foi apreendida por estar com excesso de passageiros. No sábado (13), em parceria com a Gerência de Vigilância Sanitária, foi realizada um blitz surpresa, verificando a conduta dos charreteiros, as condições de saúde dos animais e o estado de conservação das charretes.

A Diretoria de Fiscalização e Regulação Urbana está exigindo maior rigor dos órgãos responsáveis pelo cumprimento da legislação vigente e trabalhando em um projeto de adequação e atualização da lei, visando coibir abusos. E, em breve, a prefeitura vai implantar chips nos cavalos usados para tração e montaria na cidade. O objetivo é propiciar a correta identificação dos animais e seus proprietários, para facilitar a fiscalização.


0 comentários:

Postar um comentário