sexta-feira, 21 de março de 2014

Avião sem janelas promete a sensação de flutuar nos céus


Os aviões da Spike Aerospace irão custar 80 milhões de dólares e devem ser lançados em dezembro de 2018

 
Divulgação
Avião da Spike Aerospace terá telas ao invés de janelas, transmitindo em tempo real o exterior do avião
Avião da Spike Aerospace: diversas câmeras na fuselagem do avião irão enviar um streaming de vídeo em tempo real do exterior para as telas do interiorSão Paulo - A empresa Spike Aerospace anunciou planos de lançar um jato particular com telas de LCD ao invés das janelas, que irão ocupar a maior parte do revestimento interno da aeronave.Diversas câmeras na fuselagem do avião irão enviar um streaming de vídeo em tempo real do exterior para as telas do interior, dando aos passageiros a impressão de estarem flutuando sobre as nuvens.
Caso os passageiros não queiram ver o que está acontecendo fora do avião, eles podem escolher outras imagens ou até mesmo escurecer a tela.
Além disso, o avião irá viajar em velocidades supersônicas, de Mach 1,6 a Mach 1,8 (um avião de carreira convencional voa a Mach 0,85, no máximo).
Dessa maneira, as aeronaves da empresa poderiam voar de Londres a Nova York em apenas três horas, ou de Tóquio para Los Angeles em cinco.
Os aviões da Spike Aerospace irão custar 80 milhões de dólares e devem ser lançados em dezembro de 2018.

0 comentários:

Postar um comentário