sábado, 15 de novembro de 2014

Estelionatários aplicam golpes em São Lourenço


Na tarde dessa quinta-feira, a Polícia Militar registrou na Rua Coronel José Justino , Centro, onde uma funcionária de um supermercado foi vítima de um golpe.
Segundo o solicitante, segurança do estabelecimento, dois indivíduos entraram no supermercado e um deles após fazer uma compra de baixo valor, pagou com uma cédula de R$50,00 reais, a funcionária devolveu o troco e o autor pediu para a ela trocar outra cédula de R$50,00 reais, e assim ela o fez dando notas de R$20,00 e R$10,00 reais, em seguida o autor pegou o que foi trocado colocou por cima uma outra cédula de R$50,00 reais e pediu a funcionária que lhe desse uma nota de R$100,00 reais, porém quando a mulher foi pegar as cédulas o autor puxou a de R$50,00 reais, ela não percebeu e deu os R$100,00 reais, constatando a falta de R$50,00 reais somente quando foi fechar o caixa.
O segurança relatou ainda que um outro autor aplicou o mesmo golpe em outra funcionária por duas vezes, quando fechou o caixa percebeu a falta de R$100,00 reais.
Segundo ele, após os fatos os autores se dirigiram até o estacionamento, pegaram o veículo GM kadet Ipanema, de cor prata, placa de Ribeirão Preto/SP, e saíram do local.
Na tarde desta sexta feira, a Polícia Militar registrou uma ocorrência onde a proprietária de um sacolão na Rua Batista Luzardo, bairro Vila Carneiro, foi lesada no mesmo golpe.
Segundo a comerciante, um homem de cor morena, bigode, cabelo bem cortado, entrou no estabelecimento e comprou uma fruta e efetuou o pagamento com uma cédula de R$100,00, que após a funcionária lhe entregar o troco o autor solicitou devolução da nota de R$100,00 pois tinha dinheiro trocado para o pagamento, que a funcionária devolveu a cédula e o autor utilizando-se do troco que havia recebido da funcionária retirou uma cédula de R$50,00,usou de meios para distraí-la para que não percebesse, pagou a compra e foi embora em um veículo Ipanema de cor prata.
A funcionária só descobriu que caiu em um golpe quando foi fechar o caixa.
A PM iniciou rastreamento, mas o autor não foi localizado.
O solicitante disse que as câmeras do local filmaram um dos autores. 


0 comentários:

Postar um comentário