segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Chia deverá ser cultivada junto com café no Sul de MInas


Uma pesquisa feita por estudantes do Instituto Federal do Sul de Minas (IF Sul de Minas) no campus de Muzambinho (MG) constatou que o Sul de Minas é uma das regiões do Brasil mais propícias para o plantio de chia, semente natural do México, bastante utilizada em dietas de emagrecimento.
As sementes, que são ricas em nutrientes, fibras, proteína e ômega 3, estão sendo analisadas no laboratório de bromatologia e água da instituição. Após um estudo feito por professores e alunos, ficou constatada a viabilidade de produção na região.
Normalmente a semente é consumida com frutas, iogurtes, sucos e vitaminas. Ela é encontrada em supermercados ou lojas de produtos naturais e o quilo da semente varia entre R$ 40 e R$ 60.  As propriedades da semente são benéficas para colesterol alto e diabetes.
Chia é muito usada em dietas para emagrecimento (Foto: Reprodução EPTV)Chia é muito usada em dietas para emagrecimento
De acordo com a professora Ariana Vieira Silva, que é engenheira e lidera a pesquisa, foi verificada a produtividade da chia tanto no inverno como no verão na região. “Concluímos que no verão ela pode ser plantada com facilidade, devido ao clima contribuir para isso, especialmente com a temperatura”, disse.
Foram testados também diferentes tipos de fertilizantes, tanto minerais como orgânicos. “Tivemos bom resultado, tanto no fertilizante mineral como no esterco bovino, deu em média 1.200 kg por hectare”, comentou a professora.
A média conquistada foi a mesma existente em outros países onde a semente é produzida. “Conquistamos 30% de fibra, 35% de carboidratos e 35% de gordura. Nas próximas fases vamos avaliar o Ômega 3 e Ômega 6”, destacou Ariana.
Ainda de acordo com ela, a chia deverá ser plantada na entrelinha do café, para agregar mais um produto aos produtores locais. “Vamos atuar em café novo, principalmente, e pode ser uma nova alternativa econômica na região”, acrescentou.





Fonte G1 e IF Sul de MInas

0 comentários:

Postar um comentário