quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Câmeras de vigilância do “Olho Vivo” serão instaladas em São Lourenço



As câmeras de vigilância do projeto Olho Vivo, bem como toda a estrutura para o funcionamento do videomonitoramento do centro da cidade, serão instaladas no início do ano de 2017. Em reunião realizada na sede do 57º Batalhão de Polícia Militar de Minas Gerais, em São Lourenço, com a participação do comando do batalhão, do prefeito municipal e representantes de entidades representativas de classe e da sociedade civil organizada, foi feito o anúncio da conclusão da licitação para a execução dos serviços. Na primeira fase, serão instaladas 16 câmeras no centro da cidade.

Na reunião, o Comandante do 57º BPMMG esclareceu vários pontos do projeto, desde as ações realizadas para a celebração do convênio, e consequente obtenção dos recursos financeiros, até a homologação da empresa vencedora da licitação realizada pela prefeitura. De acordo com o comandante, a aparente demora dos trâmites ocorreu, principalmente, pelo cuidado e a preocupação com a qualidade dos serviços e as especificações técnicas dos equipamentos. A explicação foi corroborada pelo Diretor de Planejamento, Orçamento e Gestão da prefeitura, que explanou sobre o andamento das ações para a execução do projeto. Por causa da utilização de cabos de fibra ótica, haverá a necessidade de negociação com a Cemig e aprovação da Anatel. As demais ações estão sendo providenciadas pela Polícia Militar e pela Prefeitura Municipal.



O prefeito também teceu comentários sobre a implantação do sistema, falando sobre a importância do projeto, que facilitará o trabalho não só da Polícia Militar, mas também das demais forças de segurança pública e de setores da prefeitura, ligados à Diretoria de Fiscalização e Regulação Urbana. Segundo o prefeito, os trabalhos serão de forma integrada, inclusive utilizando o projeto de georreferenciamento realizado pelo Saae. Ele agradeceu a participação das entidades representativas de classe e da sociedade civil organizada no apoio ao projeto e obteve deles o compromisso de parceria futura, para instalação de mais câmeras.

0 comentários:

Postar um comentário