segunda-feira, 10 de abril de 2017

Polícia procura por suspeito de estuprar enteada em Alfenas


A polícia procura por um homem suspeito de estuprar a enteada de 12 anos em Alfenas (MG). Exames médicos comprovaram os abusos. Quando ia ser preso, Ari de Oliveira Prado Neto de 39 anos,agrediu o avô da menina, que está internado no CTI. A adolescente foi levada para o Hospital Alzira Velano inconsciente. Na recepção, a mãe e o padrasto disseram que ela tinha caído do cavalo. Mas, quando a menina de 12 anos acordou, ela contou a verdade.
"Ela falou que não era, que ele tinha batido nela e que naquele dia ele tinha abusado sexualmente dela", disse o pai, que não quer ser identificado.
O pai da menina disse que ela contou que os abusos aconteciam desde que ela tinha 5 anos. Mas ele só começou a desconfiar de alguma coisa nos últimos meses. "Ele ameaçava ela com isso. Se ela falasse alguma coisa pra gente, ele ia matar todo mundo", disse o pai.
Ainda no hospital, enquanto a adolescente passava por exames, o padrasto da menina, de 39 anos agrediu o avô por parte de pai da menina, que chegou em busca de notícias. O idoso já teria sido recebido pelo padrasto e por um filho adolescente dele, a socos e chutes. O avô, de 53 anos, sofreu uma fratura no rosto e foi internado no CTI.
Exames comprovaram os abusos na menina, socorrida inconsciente para hospital em Alfenas (Foto: Reprodução EPTV)Exames comprovaram os abusos na menina, socorrida inconsciente para hospital em Alfenas 












Segundo a delegada responsável pelo caso, a prisão cautelar do padrasto por estupro e lesão corporal já foi decretada. Ele está foragido. A adolescente já foi medicada e está em casa. Segundo a assessoria do hospital, o avô apresentou melhora, respira sem a ajuda de aparelhos, mas segue no CTI.
O avô da menina, Gentil Roberto alves, 54 anos está internado após a agressão

"Fazer isso com uma criança e com meu pai também, que já tem mais de 50 anos, é muito triste pra gente da família", completou o pai.



Fonte g1 e PC

0 comentários:

Postar um comentário