sábado, 19 de agosto de 2017

Gilmar Mendes age como advogado e concede Habeas Corpus a amigo em menos de um dia


O habeas corpus dado por Gilmar Mendes a Jacob Barata Filho é um ponto fora da curva no histórico de decisões do ministro para este tipo de ação.
Gilmar soltou Barata em menos de um dia após o pedido ter sido distribuído para ele no STF.
A média de Gilmar nos últimos cinco anos, contudo, para conceder uma liminar em habeas corpus é de 22 dias, de acordo com o estudo Supremo em Números, feito pela Escola de Direito da FGV/RJ.
Ou seja, a liminar de Barata foi mais rápida do que 95% das liminares de Gilmar.
Ressalte-se que o estudo refere-se ao habeas corpus de anteontem. Ontem, como se sabe, Gilmar repetiu a dose.

0 comentários:

Postar um comentário