segunda-feira, 6 de novembro de 2017

Brasil: Paraíso Dos Latrocidas, Assassinos E Vagabundos Protegidos Pelos Diretos Humanos

Esse, o Brasil.
E ainda o Trem Viagrento assina uma lei, TRAVESTIDA DE COMBATE AO CRME, que dá carta branca a Latrocidas, Assasinos e Vagabundos protegidos pelos direitos humanos.
E o desarmamento? Serve apenas para deixar a população mais vunerável nas mãos de terroristas travestidos de políticos e de bandidos que não estão nem aí para matar e ainda rir da cara da família da vítima.
http://folhacentrosul.com.br/public/imagens/57dea011a567deef38e6fa07ffd91d13.jpg

Neste 30/10/2017, o Estadão traz dados sobre o número de Latrocíncios no Brasil.
Segundo o Jornal, a barbaridade aumentou em 58%, sendo mais de 7 pessoas mortas por essa modalidade de crime, por dia em todo o País.
Isso, segundo dados estatísticos manipulados e falhos, por que todos sabem que a criminalidade é muito maior e atinge a todo o País, inclusive nas cidades do interior e na áera rural, onde o desarmamento faz mais vítimas.

Dados inéditos do 11.º Anuário do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, que será divulgado nesta segunda-feira, 30, mostram que esse crime subiu 57,8% no País entre 2010 e o ano passado, quando houve 2,5 mil registros ou sete casos por dia. A análise do Fórum, que reúne números oficiais, é a mais relevante do setor. A organização reúne pesquisadores e policiais no debate de políticas públicas.
No total, foram 13,8 mil assassinatos durante roubos desde 2010. De acordo com especialistas, a crise econômica associada a problemas em programas estaduais de redução de criminalidade – que perderam investimentos – é um dos fatores para entender os indicadores. Com a recessão, em muitos Estados houve queda tanto da capacidade de policiamento nas ruas quanto de investigação.

0 comentários:

Postar um comentário